top of page

YOU 4: AS REVIRAVOLTAS NECESSÁRIAS PARA A SÉRIE

A terceira temporada de You foi finalizada a morte da Love Quinn, de Victoria Pedretti, e fechando o enredo de casamento, família normal em uma vizinhança que Joe, Penn Badgley, tentou viver e fracassou após mais uma sucessão de assassinatos feitos por ele e sua ex-esposa. O protagonista busca uma nova vida fugindo para Paris, e acaba indo para Londres atrás de sua nova obsessão: Marrienne Bellamy, interpretada por Tati Gabrielle.

Ao encontrá-la e a perseguir em uma feira, Joe a deixa escapar com a tentativa de ser um “novo homem” longe dos erros do passado, essa proposta fica ainda mais realista na vida dele por um contratado da família Quinn para matá-lo lhe dar uma nova identidade como Professor em uma Universidade: Jonathan Moore.  É assim que começa a nova vida de Joe Golderg.

Pelo menos, ele imaginava que seria uma nova vida, mas é surpreendido por seu colega de trabalho, Malcoln, vivido por, Stephen Hagan, o convidando para uma noite de farra e bebida no Clube de Adam, Sundry House. É neste local que ele conhece Kate, Charlotte Ritchie, que virá a ser seu par romântico, Phoebe, Tilly Keeper, melhor amiga de Kate, Rhys Montrose, Ed Speleers, um candidato a prefeito de Londres e escritor querido pelos moradores, Roald, Ben Wiggins, que é apaixonado por Kate, Simon, Aidan Cheng, um artista em ascenção, que rouba arte de pequenos artistas e mais tarde é descoberto, e sua irmã, Sophie, Niccy Lin, que é uma grande Influenciadora Digital.

Neste grupo, Joe logo faz amizade com um Phoebe, que com um toque de exagero já o considera seu grande melhor amigo de vida, e a estranheza na noite vem por parte de Kate, como dizem, os opostos sempre se atraem. Após beber muito no meio dos novos “amigos” ricos, Joe se surpreende ao acordar em sua casa com o corpo de Malcom esfaqueado em sua mesa, sua mente já logo pensa em uma recaída e que o mesmo havia cometido aquele ato, logo, sua primeira ação é se livrar do corpo no mesmo instante, algo que não é tão complicado para o protagonista devida sua vasta experiência.

O problema é que ao se livrar do corpo de Malcom em uma serralheria, ele começa a receber mensagens que desaparecem em seu celular, de alguém que está cometendo os assassinatos e colocando o mesmo para solucionar e sumir com os corpos. Ele se vê obrigado a obedecer aos mandos pois, o stalker sabe tudo sobre seu passado. Simon, Gemma, Vic e diversos outros morreram ao longo da temporada pelo “Papa-rico”. Que é revelado ser o Rhys Monstrose na primeira parte da série, Joe promete acabar com ele na segunda fase, que estreou 9 de março na Netflix.

Nesta segunda fase, temos um 360° na forma de contar a série, pois agora é o Joe quem é perseguido e não ao contrário. Rhys suborna o Joe a encontrar alguém para ser incriminado pelas mortes e acaba sobrando para Dawn, uma fotógrafa que sequestra Phoebe durante a exposição em homenagem ao Simon Soo, organizada por Kate. Joe pensou que se veria livre mas a próxima vontade de Rhys é que o Pai de Kate, Tom Lockwood, de Greg Kinnear, seja assinado por ele, quando Joe encontra Tom em um jantar, ele descobre que Tom sabe de todo seu passado e oferece uma aliança: Ele matar o Rhys no lugar.

O PLOT TWIST

É neste ponto da história que acontece o plot twist. Ao ameaçar o Rhys, ele descobre que ele realmente não o conhecia. Neste momento eu só consegui pensar que ele possuía um irmão gêmeo perdido, claro, esse sempre é o desfecho que está em nossa cabeça, mas não: O Rhys é uma criação da cabeça do Joe.

Nesse momento da história, minha cabeça ficou com um grande ecoo, pois não passou pela minha cabeça a possibilidade disto acontecer, pela forma como a relação do Joe e do Rhys ter sido construída, o candidato, estava no ciclo social do Joe, tinha as mensagens que ele recebia, e etc. Quando o Joe ver a gravação de sua discussão com o Rhys em seu apartamento e ele só enxerga ele na filmagem, para mim, foi algo genial que a série trouxe, pois o protagonista buscava justamente lutar contra sua psicopatia e parar com seus assassinatos em série

O Rhys que ameaçava o Joe era ele projetando alguém que cometia os assassinatos no lugar dele para que ele lutasse contra essa persona, mas no fim, o assassino era ele mesmo.

Após o plost twist, a descoberta de que o Joe que cometeu todos os assassinatos da primeira parte, ainda vimos que assim como nas últimas temporadas, ele não deixou a Marienne simplesmente fugir, e a trancou na famosa jaula onde ele colocava todos os que lhe incomodassem, mas ele não se recordava nem mesmo onde tinha deixado.

Em uma briga com seu alter-ego Rhys ele acaba lembrando onde está Marienne, e vai ao seu encontro, depois de dias sem alimentar, sem deixar água, e deixar a mesma completamente louca e com medo lá dentro. Em contrapartida, sua aluna Nadia, Amy Leigh Hickman, que estava no momento da prisão da Dawn, e depois de ter achado estranho começa o perseguir já tinha achado o esconderijo e estava tentando salvar Marienne, porém ao contar para Edward, Brad Alexander, seu namorado e o levar ao local, Marienne já havia tomado remédios em uma tentativa de suicídio. Como sempre, Joe havia deixado em uma praça pública, para que a encontrem e pensem que a mesma estava morta após mais uma recaída. Ainda bem que Nadia consegue a acordar e deixar ela seguir sua vida com sua filha, Juliette. Mas, a estudante não desiste de desmascarar seu professor!

Joe, frustrado com a sua realidade de psicopata serial killer, vê que não vai conseguir parar e viver a sua tão sonhada vida normal, o mesmo, por amor a sua querida Kate, comete o último assassinato contra seu pai, Tom Lockwood, que fazia  bastante mal a filha tentando controlar sua vida, e comete uma tentativa de suicídio ao pular de uma ponte no mar.

Frustrado, ele acorda no hospital com Kate, já sabendo que ele havia matado Rhys ao mando de seu pai e decidida a perdoá-lo por tudo. Enquanto isso, sua aluna Nadia encontra provas que de ele que havia matado Rhys em seu apartamento, após invadir com seu namorado.

Nadia não contava com a esperteza de Joe, que a vê saindo de seu apartamento, apaga as provas de celular e ainda a culpa pela morte de Edward.

CONCLUSÃO

A série se encerra como todas as outras temporadas, Joe mais uma vez se livrando de tudo o que havia feito. Kate conquistou toda fortuna de seu pai, e com toda tecnologia ao seu favor, Joe consegue viver novamente com seu nome e limpo em todo lugar, o mesmo ficou como uma vítima de Love Quinn.

Eu achei muito interessante essa construção de um alter-ego para o Joe, nós conseguimos ver um lado mais humano do personagem que não queria matar, que estava cansado daquilo, mas ao mesmo tempo víamos seu lado sombrio serial killer no falso Rhys Montrose.

As conversas entre eles eram muito cheias de detalhes, onde conseguíamos ver claramente esses dois lados, e principalmente em suas conversas com os outros personagens, onde essa “sombra” estava sempre ali dizendo o que ele tinha ou não tinha que fazer.

Os plots twists da temporada foram muito importantes por trazer uma narrativa diferente que se repetiram nas últimas temporadas, onde sempre era o Joe, obcecado por uma mulher e matando todo mundo que o impedia de ficar com ela. Até mesmo quando trouxeram a Love, acabou rodando em eles matando os vizinhos que incomodavam eles. Foi uma narrativa incrível dada pela série trazendo realmente algo novo

E para quem queria fan-servisse: Em um dos momentos de loucura e Joe em suas imaginações, Love e Beck aparecem falando bastante verdades para ele. A vingança tão esperada finalmente veio (Infelizmente, apenas em imaginação)

Eu gostei do direcionamento que deram para a série, com Joe tentando se livrar de seu lado sombrio, mais uma vez saindo ileso por seus crimes e tendo uma sociedade com a filantropa Kate, mesmo ela sabendo de todo seu passado.

You está disponível na Netfix e ainda não está renovado para quinta temporada, mesmo com um leque de possibilidades e narrativas para ela com algumas pontas soltas deixadas na série que são Marienne viva, com sua filha e Nadia presa, mesmo não tendo falado nada.

Você gostou da quarta temporada de YOU? Não?  Conta para nós aqui nos comentários! 

0 visualização0 comentário

Comments


bottom of page