top of page

WandaVision: Referências Positivas e Teorias Frustradas

Saudações queridos nerds!

A série WandaVision, criada por Jac Schaeffer e dirigida por Matt Shakman, viralizou bastante e foi a série mais assistida de plataformas de streaming, batendo as visualizações de Bridgerton, da Netflix.

E, como sempre, fiz também um review com a Gessyca Couto (que compartilhou comigo a jornada de assistir a série e pesquisou a fundo cada episódio) lá no IGTV do meu Instagram, onde falamos várias teorias do futuro da série. Bom, podem ficar tranquilos que esse post não tem spoilers.

Então, bora falar de WANDAVISION!

Vamos começar pelos pontos positivos:

A série adotou um formato de sitcom, o que nos trouxe certa nostalgia. Pois estávamos acostumados a esse formato na famosa TV Aberta, onde esperávamos o dia ou a semana seguinte para assistir ao próximo episódio.

Aliás, isso foi outro ponto muito interessante: o lançamento semanal dos episódios.

A Disney+ decidiu arriscar coisas novas no UCM (Universo Cinematográfico Marvel) adotando esse formato de reprodução de mídia.

Com essa jogada, abriram espaço para os fãs pensarem em várias teorias sobre o futuro da série.

Com isso, a série ganhou grande visibilidade, sendo compartilhada em todas as redes sociais e de todas as formas possíveis.

O grande destaque foi trazer os uniformes clássicos de todos os personagens

Percebemos que WandaVision veio para introduzir a nova fase do UCM, mostrando que eles estão se esforçando para se aproximar da fidelidade com os quadrinhos.

Cada episódio faz referência a uma década, começando nos anos 50 e terminando as viagens temporais nos anos 2000. Onde tiveram cuidado com o figurino e o cenário, mantendo até mesmo o jogo de cores das sitcoms de destaque de cada época.

Agora falando de pontos negativos:

Os fãs criaram muitas teorias, baseadas nos quadrinhos de Dinastia M e outras histórias clássicas referentes à personagem. Mas, como isso pode ser negativo?

Bom, os fãs criaram tantas coisas interessantes que a série acabou mostrando ao contrário. Quero dizer, algumas pessoas conseguiram acertar algumas teorias, mas outras foram completamente frustradas, principalmente a inclusão dos X-Men.

Desde sempre, Wanda e Pietro Maximoff são filhos de Magneto.

Porém, devido aos contratos entre produtoras, a Disney não podia usar o termo “mutante” e eles decidiram mudar a origem de Wanda.

É notável que a história de Wanda nunca foi tão explorada, com isso eles tiveram total liberdade para definir e redesenhar seu passado.

Ao assistir a série, é perceptível que a Marvel deixou uns espaços que podem ser preenchidos facilmente pela presença de Magneto. Caso não aconteça, ela simplesmente é “nascida com magia”.

Lembrando que isso não estragou o roteiro e nem deixou as pessoas frustradas. Mas para quem acompanha Wanda há anos, com certeza nutre aquele desejo de ver a família reunida em alguma produção.

Os primeiros episódios são totalmente voltados para o estilo de sitcom

Os episódios trazem referências do que virá pela frente, colocando eventos pesados e levemente sinistros em meio à leveza que as sitcoms costumam ter. Pois os fãs da Marvel esperam piadas, mas não tão “bobas” e óbvias como as de sitcom.

Ver heróis extremamente poderosos em situações caseiras e com piadinhas forçadas, fez com que algumas pessoas desistissem da série logo no início. É perceptível que essas pessoas que desistiram da série logo no início não focaram nos detalhes pesados e nos ganchos apresentados nesses episódios.

WandaVision é uma série emocionante, envolvente e divertida.

Ela mostra o quanto a Feiticeira Escarlate é poderosa e o quanto ela sofre pela perda de todos. Wanda tem problemas psicológicos graves, mostrando o quanto ela precisa de ajuda, tanto para conhecer todo o seu potencial, quanto para lidar com suas perdas.

Então, aprecie uma série rápida. Cada episódio tem menos de 30 minutos (pois o encerramento da série é grande). E o que deixou a série mais emocionante, foi toda essa expectativa e busca por respostas, criando várias teorias em cima de cada referência apresentada.

É isso pessoas, aproveitem para estourar aquela pipoquinha, tomar aquele refrigerante favorito e aproveitar uma série que vai te levar a vários sentimentos extremos.

Beijo e que a Força esteja com vocês!

WandaVision: Voz de Elizabeth Olsen Mudou na Introdução de Cada Episódio
0 visualização0 comentário

Comments


bottom of page