top of page

O trailer de CORINGA está assustadoramente lindo

Se você ainda não conferiu, olha só isso:


Sinopse:

“Coringa, da Warner Bros. Pictures, é estrelado pelo indicado ao Oscar Joaquin Phoenix, que interpreta o protagonista do longa, com o vencedor do Oscar Robert De Niro. O filme é dirigido, produzido e coescrito pelo indicado ao Oscar Todd Phillips. Coringa é uma história original do vilão nunca antes vista no cinema. A versão de Phillips sobre Arthur Fleck (Phoenix), um homem desprezado pela sociedade, não é só uma visão realista do personagem, mas também uma lição de vida.”

“Sou eu … ou o mundo está ficando mais louco?” sintetiza a transformação que Arthur Fleck vai passar, para sair de um homem aparentemente são, com uma relação saudável com a sua mãe, para um louco que entra em decadência junto com a própria cidade de Gotham. Essa transformação, ao lado da trilha maravilhosa, ficou bem clara no trailer:

O personagem sombrio parece uma sequência daquilo que Heath Ledger apresentou ao mundo em “Batman: O Cavaleiro das Trevas” em 2008. Coringa não é mais uma caricatura, um alguém que quer pintar a cara e fazer provocações sem sentido ao Batman ou a outros personagens (tipo o que vimos em Esquadrão Suicida). Aqui o personagem tem uma profundidade e suas ações serão justificadas a ponto de todos – ou quase todos nós – sairmos dos cinemas querendo que ele seja feliz.

Uma das coisas que me chamou  a atenção foi a música, e a Warner sabe usar isso muito bem nos trailers.  A música, de Charles Chaplin, é uma versão de Nat King Cole e se chama “Smile”. Olha aí a música legendada, pra dar aquela arrepiada:


Não importa se Todd Phillips dirigiu filmes como “Se Beber, Não Case” (que eu, particularmente, não são nada ruins), até porque ele esteve também na produção de “Nasce uma Estrela”, mas esse trailer é de arrepiar a alma.

É, Marvel, o recado está dado. VEM, OUTUBRO!

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comentarios


bottom of page